segunda-feira, 16 de janeiro de 2017

Alessandra Peres no seu aniversário doou vida



    Dia de GRATIDÃO ♡ melhor aniversário!
    Me sinto honrada em comemorar mais um ano de vida, podendo oferecer outra vida ao próximo com o simples gesto #DoeSangue #DoeAmor #DoeEsperança #DoeVidaPelaVida melhor sensação do mundo Doe Vida Doe Medula Gotas Salvadoras
    assim pedi pra Deus abençoar cada escolha, cada traçado, e sei que tudo que for verdadeiro virá...
    FAÇA TODO BEM QUE PUDER,
    USANDO TODOS OS MEIOS QUE PUDER, DE TODAS AS MANEIRAS QUE PUDER,...
    PARA TODAS AS PESSOAS QUE PUDER,
    DURANTE O TEMPO QUE PUDER.
    Hospitalidade incrível de todos os funcionários #HemocentroHCPA, fui recebida de braços abertos com direito aplausos e até me felicitaram pelo meu aniversário com lindas mensagens. Dia encantador tenho muitos AGRADECIMENTOS... pela equipe na qual faço parte a 2 anos #JurídicoHcpa, pelo carinho e amor da minha família, amigos, colegas, professores a todos que de alguma forma lembraram desse dia especial me desejando um ótimo dia como a mensagem linda que recebi de uma pessoa desconhecida que simplesmente sorriu e me entregou um pequeno papel com dizer de sabedoria e por fim me desejou o melhor dia :D
    Obrigadaaaaaaaaaaa ★♡✩

#Leucemia: História de Valéria Gerbô


Me chamo Valéria Gerbô, tenho 27 anos e sou professora, Sou Tianguá, Ceará.  Tive Leucemia Mieloide Aguda
. Fui diagnosticada dia 01 de abril de 2016. A partir daí começou a minha luta pela vida. O meu tipo de leucemia, pelos exames se mostrava de mal prognóstico, pois eu não remitia a doença com a quimioterapia convencional, e foi com um esquema muito forte, chamado FLAG-dauno que consegui "matar" o câncer. Eu era uma paciente refratária. E mesmo com a remissão da doença ela poderia voltar a qualquer momento, e mais agressiva. Fui indicada ao transplante de medula óssea. Era minha única chance. Seria mais uma batalha, e a mais difícil de todas que estava enfrentando. Para encontrar um doador compatível é de 1 para 100 mil pessoas. Então, foi feito primeiramente a tipagem com meus irmãos (Noelia, Henrique e Raquel) Esperamos 1 mês para sair o resultado. E para alegria de todos meu irmão, foi 100% compatível comigo! No dia 13 de outubro, meu irmão colheu a medula, pelo sangue periférico. E eu já estava internada novamente, para receber a minha tão sonhada medula nova.  No outro dia, 14 de outubro, fui transplantada. E no D+19 (Dia 01 de novembro, exatamente 7 meses de tratamento) a minha medula "pegou" e eu pude receber de Deus a minha nova chance de viver! Eu renasci! A partir daquele dia, eu nunca mais precisei fazer transfusões. A cada dia meu hemograma ficava perfeito, a minha nova medula estava me tirando todo o sofrimento físico e emocional que enfrentei durante 7 meses. Dia 02 eu recebi alta, e ao sair do hospital eu apenas levante meus braços e com os olhos cheios de lágrimas olhei pro céu e agradeci a Deus pelo o milagre em minha vida! Eu venci a leucemia! Hoje faz  3 meses que estou transplantada, me sinto saudável e curada. Tenho todos os cuidados do pós transplante, faço acompanhante ambulatorial, mas tenho uma vida feliz e abençoada. Hoje meu nome é gratidão e sou transplantada muito com orgulho. Fui diagnosticada dia 01 de abril de 2016. A partir daí começou a minha luta pela vida. O meu tipo de leucemia, pelos exames se mostrava  de mal prognóstico, pois eu não remitia a doença com a quimioterapia convencional, e foi com um esquema muito forte, chamado FLAG-dauno que consegui "matar" o câncer. Eu era uma paciente refratária. E mesmo com a remissão da doença ela poderia voltar a qualquer momento, e mais agressiva. Fui indicada ao transplante de medula óssea. Era minha única chance. Seria mais uma batalha, e a mais difícil de todas que estava enfrentando. Para encontrar um doador compatível é de 1 para 100 mil pessoas. Então, foi feito primeiramente a tipagem com meus irmãos (Noelia, Henrique e Raquel) Esperamos 1 mês para sair o resultado. E para alegria de todos meu irmão, foi 100% compatível comigo! No dia 13 de outubro, meu irmão colheu a medula, pelo sangue periférico. E eu já estava internada novamente, para receber a minha tão sonhada medula nova.  No outro dia, 14 de outubro, fui transplantada. E no D+19 (Dia 01 de novembro, exatamente 7 meses de tratamento) a minha medula "pegou" e eu pude receber de Deus a minha nova chance de viver! Eu renasci! A partir daquele dia, eu nunca mais precisei fazer transfusões. A cada dia meu hemograma ficava perfeito, a minha nova medula estava me tirando todo o sofrimento físico e emocional que enfrentei durante 7 meses. Dia 02 eu recebi alta, e ao sair do hospital eu apenas levante meus braços e com os olhos cheios de lágrimas olhei pro céu e agradeci a Deus pelo o milagre em minha vida! Eu venci a leucemia! Hoje faz  3 meses que estou transplantada, me sinto saudável e curada. Tenho todos os cuidados do pós transplante, faço acompanhante ambulatorial, mas tenho uma vida feliz e abençoada. Hoje meu nome é gratidão e sou transplantada com muito orgulho. 

SOCIAL MEDIA

MARCADORES